Diplomação dos eleitos será dia 18 de dezembro; 20 vereadores ainda não prestaram contas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on email
Share on print

*Da Redação Dia a Dia On-line

Em Manaus, 20 vereadores eleitos ainda não prestaram conta dos valores recebidos e gastos com campanha eleitoral e eles precisam entregar a prestação de contas final até dia 15 de dezembro, para que possam ser analisadas a tempo da diplomação, que deve ocorrer no dia 18 de dezembro.

As datas para apresentação da prestação de contas final dos candidatos e partidos foram aprovadas  pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nessa quinta-feira, dia 19. A regra vale para os eleitos para os cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador até o terceiro suplente.

Os candidatos que não foram eleitos e respectivos partidos terão de 7 de janeiro até 8 de março para apresentar a documentação que comprova tudo o que foi arrecadado e o gasto na campanha.

No portal ‘Divulgação de candidaturas e contas eleitorais’ 20 vereadores eleitos aparecem sem a prestação de contas, são eles: Eduardo Alfaia (PMN), Everton Assis (PSL), Glória Carrate (PL), Ivo Neto (Patriota), Jander Lobato (PTB), João Carlos (Republicanos), Joelson Silva (Patriota), Kennedy da anjos de Rua (PMN), Lissandro Breval (avante), Marcel Alexandra (Pode), Marcelo Serafim (PSB), Mitoso (PTB), Peixoto (PTC), Professora Jacqueline (Pode), Professor Samuel (PL), Raiff Matos (DC), Raulzinho (PSDB), Rodrigo Guedes (PSC), Rosinaldo Bual (PMN), Sassá da Contrução Civil (PT).

 

Atendimento presencial

Também foi definido o escalonamento da entrega das mídias eletrônicas com os documentos comprobatórios seguindo as medidas sanitárias para o atendimento presencial.

Cada TRE poderá estabelecer regras para o atendimento presencial, como agendamento prévio e limite de pessoas a depender do espaço físico de cada localidade, respeitando as regras de medidas sanitárias como uso de máscara facial, higienização das mãos e distanciamento social mínimo.

 

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on email
Share on print