MTur vai ofertar curso gratuito na área de atrativos naturais e culturais

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on email
Share on print
Qualificação tem o objetivo de melhorar a experiência turística dos viajantes. Inscrições devem ter início no primeiro semestre de 2021

Os destinos turísticos que oferecem atrativos culturais e em meio à natureza estão sendo cada vez mais procurados, principalmente diante da nova realidade imposta pela pandemia de Covid-19. Pensando nisso, o Ministério do Turismo firmou acordo com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) para disponibilizar um curso on-line gratuito na área de atrativos naturais e culturais. O objetivo é qualificar os profissionais de turismo e melhorar a experiência dos viajantes.

A qualificação terá carga horária de 320 horas e a expectativa é de que as inscrições sejam abertas em março de 2021.

A parceria faz parte de uma série de acordos de cooperação entre o Ministério do Turismo e instituições de ensino a fim de ofertar, gratuitamente, qualificação a profissionais de turismo com o objetivo de capacitá-los para uma retomada segura e de qualidade do turismo em todo o país.

O secretário nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo, Wiliam França, ressalta a importância da qualificação para a melhoria da experiência turística. “Qualificação é a chave para o fortalecimento do turismo. Quem está na ponta e faz o turismo acontecer precisa estar bem preparado e bem qualificado para receber e informar os turistas. Por isso, seguimos trabalhando na oferta contínua de cursos gratuitos para formar profissionais capacitados e proporcionar uma experiência de qualidade aos viajantes”, ressaltou França.

 

GUIAS DE TURISMO

 

O Ministério do Turismo também firmou parcerias com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, a Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Paraná e a Universidade Federal do Tocantins para ofertar cursos focados em atrativos naturais e culturais a guias de turismo cadastrados no Cadastur. Serão dois cursos para cada região do país com carga horária de 200h, sendo 40 horas de aulas práticas e o restante no formato EAD (Ensino a Distância), com aulas teóricas. Os detalhes sobre o período de inscrições serão divulgados nos próximos meses.

*Assessoria de Comunicação do Ministério do Turismo 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on telegram
Share on email
Share on print